Dicas para o preparo de sabonete artesanal

Muitos leitores já viram a receita básica para sabonetes artesanais aqui no blog e alguns tiveram dúvidas na hora de fazer, então reuni aqui algumas dicas importantes a serem observadas na hora do preparo.

Passo 1: Pese a quantidade de base glicerinada necessária para a receita, corte em pedaços pequenos e coloque tudo dentro de uma panelinha esmaltada (de ágata) ou inox e coloque em banho-maria para derreter.
Dica: Nunca utilize recipientes de alumínio. Não deixe aquecer mais do que 70ºC, para não “queimar” a base, isto pode acarretar problemas no sabonete tais como aroma desagradável ou sabonetes que suam ou ficam constantemente molhados.
Se a quantidade for pequena o suficiente para 1 ou 2 sabonetes pequenos, você pode derretê-los no microondas colocando em pote de plástico próprio para microondas. (Inicie colocando em intervalos de 15 segundos (varia conforme o aparelho). Derreta a glicerina por completo.

Passo 2: Enquanto derrete a glicerina ou mesmo antes, separe os ingredientes que serão utilizados e tudo a mão: os aditivos, corantes, essências e fôrmas.

Passo 3: deixe amornar um pouco, mas não o suficiente para começar a endurecer, com o tempo você vai pegando prática, mesmo porque, este ponto varia conforme a base e o fabricante. Adicione os aditivos como extratos líquidos e óleos vegetais, também as manteigas de cacau ou cera de abelha previamente derretidas em recipiente separado.

Passo 4: Adicione o corante líquido, que pode ser alimentício (estes tendem a desbotar mais rápido) ou os próprios para sabonetes à base de água.
Dica: lembre-se de que alguns extratos dão cor e conforme o corante que se utiliza pode dar um resultado diferente daquela esperada.

Passo 5: Adicione essência própria para sabonete, a proporção geralmente é de 25 ml para cada quilo de base, esta proporção varia para mais ou para menos conforme a essência escolhida, o fabricante e seu gosto. Mexa lentamente para não formar muita espuma.
Dica: Não utilize essência para velas porque não são essências aprovadas para uso na pele. Não coloque a essência com a glicerina muito quente, pois, com o calor a essência tende a evaporar e se dissipar, pois elas contêm elevado teor alcoólico, o mesmo ocorre com os extratos glicólicos.

Passo 6: Derrame nas forminhas, caso se formem bolhas, você pode dissipá-las borrifando um pouco de álcool de cereais. Aguarde o endurecimento (em torno de 20 minutos para as forminhas pequenas).
Dica: Evite um local com muita corrente de ar para fazer seus sabonetes, não os coloque na geladeira para acelerar o endurecimento, sabonetes não são como gelatina que endurecem com o frio, eles endurecem pelo processo da massa mesmo. O que você pode fazer é colocá-los na geladeira após seu endurecimento por uns 20 min. ou meia hora para facilitar sua retirada do molde, caso isto não esteja acontecendo com facilidade.

Passo 7: Embale os em filme de PVC.
Dica: No caso de se formarem algumas bolhas de ar entre o filme e o sabonete, comprometendo seu acabamento, fure o filme de PVC com a pontinha de uma agulha e passe um pano expulsando a bolha, cuidado para não forçar e marcar o sabonete.

Passo 8: Coloque todos os utensílios de molho em água quente de preferência. Mantenha seus utensílios sempre limpos. Guarde a base sempre bem embrulhada em plástico para que esta não se desidrate.

21 Responses to “Dicas para o preparo de sabonete artesanal”
  1. patricia z 06/12/2010